Estado quita dívidas com hospitais referentes a 2014 e 2015

Estado quita dívidas com hospitais referentes a 2014 e 2015

Categoria:

Compartilhar:

Estado quita dívidas com hospitais referentes a 2014 e 2015

O governador José Ivo Sartori anunciou, nesta quarta-feira (30), a quitação das dívidas referentes a 2014 e 2015 com os hospitais filantrópicos, em ato realizado no Palácio Piratini. Por meio de linhas de créditos junto a instituições financeiras, as entidades terão acesso a cerca de R$ 300 milhões. Desse total, R$ 160 milhões são referentes a repasses que não foram feitos em 2014 e R$ 140 milhões, a pendências deste ano. A medida beneficia de imediato 185 hospitais filantrópicos gaúchos.
O pagamento do financiamento será feito pelo Estado, através da Secretaria da Saúde (SES), em 36 parcelas – de janeiro de 2016 a dezembro de 2018. Com o acordo, os hospitais poderão contratar os empréstimos com os mesmos juros praticados pelo Funafir (Fundo de Apoio Financeiro e de Recuperação dos Hospitais Privados sem Fins Lucrativos e Hospitais Públicos). O Estado criará um incentivo para cobrir o custo do financiamento.
“Este ato tem o respaldo da sociedade e de todos que estão envolvidos no processo: o Executivo, o Legislativo e as entidades. Com a quitação de débitos relativos a 2014 e 2015, o Estado garante mais exames, atendimentos e leitos para milhares de pessoas no Rio Grande do Sul, o que vai ajudar na melhoria de qualidade da saúde das pessoas”, disse o governador.
O secretário da Saúde, João Gabbardo dos Reis, ressaltou que o acordo começou a ser negociado no primeiro dia da atual gestão. “Hoje o governo completa 270 dias de gestão e, para um pediatra, isso tem um significado muito especial, pois corresponde aos nove meses de uma gestação. E a gestação desse processo começou no primeiro dia desta administração”, enfatizou. Gabbardo reiterou a determinação do governador de priorizar a saúde e agradeceu aos demais secretários que “abriram mão” de alguns projetos em prol da garantia da prestação de serviços de saúde à população.
O presidente da Federação das Santas Casas, Francisco Soares Ferrer, enalteceu a relevância do que chamou de “momento ímpar”, pela eficiência e eficácia da gestão pública. “O governo do Estado considerou a saúde como prioridade e reconheceu a importância dos 245 hospitais filantrópicos, responsáveis por 73% do volume do atendimento do SUS no Rio Grande do Sul. A linha de crédito é um exemplo claro de que a parceria com competência pode trazer bons resultados”, afirmou Ferrer. Segundo ele, foi um passo importante, que demonstrou “a sensibilidade, a competência de estabelecer prioridades e a determinação de fazer da gestão Sartori”.
O presidente do Conselho de Secretários Municipais da Saúde, Marcelo Bósio, disse que o ato é resultado de um diálogo permanente na busca da construção de soluções. A ação do governo do Estado também foi enaltecida pelo vice-presidente da Famurs, Sérgio Machado. Já o presidente da Assembleia Legislativa, Edson Brum, destacou a atitude “estadista” de Sartori e propôs um pacto pela saúde.
Negociação e números
Desde o início do ano, alternativas de como sanear esses débitos estão sendo discutidas entre a SES e entidades representativas do setor, como a Federação dos Hospitais e Estabelecimentos de Saúde do RS (Fehosul) e a Federação das Santas Casas e Hospitais Beneficentes, Religiosos e Filantrópicos do RS. 
Até o momento, os hospitais gaúchos já receberam mais de R$ 1,25 bilhão em recursos públicos. Deste total, R$ 580 milhões são recursos estaduais, destinados ao cofinanciamento de projetos como Atendimento de Gestantes de Alto Risco, Casa da Gestante, Mãe Canguru, leitos para álcool, drogas e psiquiatria em hospitais gerais e porta de entrada de emergências. 
 
Os demais R$ 682 milhões são oriundos do Ministério da Saúde, pagos pela prestação de serviços (consultas, exames e cirurgias).

Confira outras notícias

WhatsApp Image 2023-12-08 at 12.36.04 PM (1)

Compromisso contínuo: AMRIGS fortalece parceria com SOGAMT em noite de posse

A Associação Médica do Rio Grande do Sul (AMRIGS) prestigiou, na noite desta quinta-feira, dia 07 de dezembro, a cerimônia de posse da nova diretoria da Sociedade Gaúcha de Medicina do Trabalho (SOGAMT).  O evento, que marcou o início de um novo ciclo na entidade, contou com a participaçã...
Thumb Site

AMRIGS e Audi reforçam Parceria para Oferecer Condições Especiais na Linha de Veículos ...

A Associação Médica do Rio Grande do Sul (AMRIGS) ampliou uma parceria estratégica com a Audi, consolidada no estado gaúcho. A distribuidora exclusiva da marca das quatro argolas, Grupo de Concessionárias Top Car, sediada no Rio Grande do Sul, está lançando, neste mês de dezembro, uma série de co...
Thumb

Através de pesquisa, projetos Caravana Digital e Ciclo de Palestras serão reformulados ...

A Associação Médica do Rio Grande do Sul (AMRIGS), reconhecida no estado e no Brasil como a casa do médico gaúcho, está em processo de reformulação de dois de seus principais projetos científicos: a Caravana Digital e o Ciclo de Palestras. A entidade septuagenária objetiva questionar médicos e mé...
plugins premium WordPress