Médicos mobilizam sociedade para solucionar deficiências do SUS

Notícias

Categoria:

Compartilhar:

publicada em

Médicos mobilizam sociedade para solucionar deficiências do SUS

O movimento liderado por médicos na última terça, 25 de outubro, em todo o País e com ato público em Porto Alegre, conseguiu chamar a atenção da sociedade para a necessidade de ações urgentes dos gestores que garantam melhor assistência, valorização dos profissionais e maiores investimentos no SUS. O balanço foi feito pelo presidente do Sindicato Médico do RS (SIMERS), Paulo de Argollo Mendes, após manifestação que lotou auditório da Câmara de Vereadores da Capital e que reuniu, além das entidades médicas, parlamentares, vereadores e dirigentes de hospitais filantrópicos e das demais categorias da saúde.

"O Rio Grande do Sul assistiu nos últimos dias a exemplos extremos da falta de estrutura de atendimento, com o caso da gestante de gêmeos do Sul do Estado e acidente com paciente que buscavam atendimento na Capital. A união das categorias e parlamentares aumenta a pressão. Cabe agora uma resposta ágil dos gestores públicos", destacou Argollo. O ato no Legislativo aprovou uma Carta Aberta em Defesa do SUS, que será encaminhada às três esferas do governo e à bancada federal gaúcha no Congresso Nacional.

As reivindicações incluem aumento das verbas para a saúde (com imediata regulamentaçao da Emenda 29), aumento na remuneração dos profissionais e pretadores e acesso e assistência digna à população. O deputado estadual Pedro Westphalen apontou a baixa remuneração dos profissionais e a insuficiência de verba como focos das maiores restrições no atendimento. Julio Mattos, do Sindicato dos Hospitais Filantrópicos do RS, lembrou que a situação ameaça a manutenção dos serviços. A AMRIGS esteve representada por seu diretor Administrativo, Dr. Renato Breda. A presidente da Câmara, Sofia Cavedon, e o vereador Thiago Duarte prestigiaram o ato.   

Veja a CARTA ABERTA EM DEFESA DO SUS:

As entidades médicas, Sindicato Médico do RS – SIMERS, Conselho Regional de Medicina do RS – CREMERS e a Associação Médica do RS – AMRIGS, conjuntamente com a Federação das Santas Casas e Hospitais Beneficentes, Religiosos e Filantrópicos do RS – Federação das Santas Casas, com o Sindicato dos Hospitais Beneficentes Religiosos e Filantrópicos do RS – SINDIBERF, com a Federação dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde do RS – FEESSERS e SINDISAÚDES, com o Conselho Regional de Administração – CRA, com a Federação das Associações dos Municípios do RS – FAMURS, FÓRUM DAS ENTIDADES EM DEFESA DO SUS, CIDADÃOS E CIDADÃS do Rio Grande do Sul reunidos no Plenário ANA TERRA da Câmara de Vereadores de Porto Alegre, como resultado da manifestação em defesa do SUS neste dia 25 de outubro ficou decidido pelo Plenário do evento que esta Carta será encaminhada pelos seus subscritores a todas as autoridades do SUS, bem como aos Parlamentares Estaduais e Federais, enfatizando os eixos de luta, arguindo por mais recursos para a saúde; melhor remuneração no SUS, acesso e assistência digna à população.

Salientando que nesse momento em que é decidido no Congresso Nacional o efetivo destino de recursos públicos para o SUS é preciso garantir maior destinação de verbas para a saúde na regulamentação da EC29, especialmente originários por parte da União e dos Estados brasileiros. Neste sentido o Plenário resolve, além de advertir as autoridades para o caos da saúde pública, por instituir um CALENDÁRIO PERMANENTE DE MOBILIZAÇÃO DAS ENTIDADES EM DEFESSA DO SUS, o único Sistema de Saúde ao alcance de todos os brasileiros, focando o subfinanciamento e a gestão pública a partir dos princípios constitucionais estabelecidos..

Somente com um adequado financiamento da saúde, especialmente com mais recursos da União que investe a metade do que deveria em face da previsão original da EC29, associado a um aprimoramento consistente e permanente do sistema de gestão do SUS é que se poderá vislumbrar um efetivo atendimento da saúde da população.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confira outras notícias

plugins premium WordPress