Notícias

23/11/2018 - Porto Alegre terá dois novos centros de atendimento a dependentes de drogas e álcool



Associação Médica do Rio Grande do Sul (AMRIGS) participou do ato, reforçando seu compromisso com a saúde do município

   A partir de fevereiro de 2019, Porto Alegre contará com dois novos Centros de Atenção Psicossocial/Álcool e Drogas - CAPS AD 24 Horas, que serão instalados na zona leste da capital e no extremo sul. O presidente da Associação Médica do Rio Grande do Sul (AMRIGS), Alfredo Floro Cantalice Neto, participou do ato de assinatura do Termo de Colaboração para a implantação das instituições, na tarde de quinta-feira (22/11), na Prefeitura Municipal. O documento também foi assinado pelo prefeito Nelson Marchezan Jr, pelo secretário municipal de Saúde, Erno Harzheim e pelo presidente da Organização Social IBSaúde, José Eri Medeiros.

O chefe do Executivo Municipal, na ocasião, destacou a relação entre o poder público e a AMRIGS, afirmando que ambos atuam para aprimorar o serviço de saúde da população.

 

- Temos uma relação de construção e, apesar das dificuldades, a entidade está sempre de portas abertas para construir um futuro melhor, tanto para os médicos, como para a população do município – afirmou Marchezan Jr.

Para o presidente da AMRIGS, é através deste vínculo que a entidade pode contribuir para a sociedade, promovendo bem-estar para os cidadãos.

- Além de representar a categoria, nos preocupamos também em garantir uma saúde de qualidade para as pessoas. A excelência do atendimento também passa por estas parcerias, garantindo condições para os profissionais trabalharem e um ambiente acolhedor para a população. Além disso, a saúde mental e a dependência química são temas que temos trabalhado de forma constante em nossas ações pelo estado, através de palestras promovidas pela nossa Caravana – comentou Cantalice.

Porto Alegre não oferece nova unidade do CAPs desde 2012. Em dezembro, deve ser inaugurado o tipo IV e, em fevereiro do próximo ano, o tipo III, voltado a atendimentos de pessoas que apresentam dependência de drogas e álcool. Estes locais terão atendimento 24 horas e doze leitos. A Organização Social IBSaúde, escolhida através de edital público, é a responsável por organizar a estrutura e o atendimento destas instituições.

Fonte: Ascom AMRIGS

Fotos: Francine Malessa



Todas Notícias