Notícias

21/05/2019 - Acidentes com patinetes podem causar fraturas graves



Nova moda na mobilidade urbana, os patinetes eletrônicos exigem atenção

Novidade para quem deseja se locomover, os patinetes eletrônicos vêm ganhando diversos adeptos nas ruas de Porto Alegre. Por oferecem praticidade, agilidade e baixo custo, os aparelhos viraram moda no trânsito da Capital. No entanto, estão provocando conflitos e causando transtornos para usuários, pedestres e motoristas.

O médico ortopedista e associado da Associação Médica do Rio Grande do Sul (AMRIGS), Carlos Francisco Jungblut, explica que, antes de utilizar os aparelhos, é preciso que o condutor do patinete observe sua própria condição física e motora.

- O principal cuidado para evitar acidentes está na questão da segurança, não só de quem usa, mas também de quem está ao redor. Por isso, ao usuário, recomenda-se que ele faça uma autoavaliação de suas condições: como estão meus reflexos? Consigo reagir rapidamente? Tenho o equilíbrio necessário para utilizar o patinete? Por não haver nenhuma regulamentação, por hora, passa, principalmente por ele, a responsabilidade de evitar as colisões - salienta.

O ortopedista também ressalta que, embora não pareçam, os acidentes podem sim acarretar em lesões graves.

- Sem a utilização do adequado aparato de segurança, e dirigindo sem qualquer prudência, é possível ocasionar acidentes graves, tanto para os veículos, quanto para quem circula nas calçadas. Capacete, joelheira e cotoveleira são itens básicos que garantem o mínimo de proteção aos usuários - comenta.

Por fim, o médico alerta que, ao se locomover com o patinete eletrônico, mesmo com todas as recomendações, é necessário ter cautela e priorizar as ciclovias pois, ao andar pelas calçadas, em ambientes movimentados, a chance de que choques ocorram é maior.

Fonte: Ascom AMRIGS

Foto: Freepik



Todas Notícias