O caminho do sangue: da doação até o paciente

Notícias

Categoria:

Compartilhar:

publicada em

O caminho do sangue: da doação até o paciente

Palestra gratuita será realizada de forma inteiramente online

O Ciclo de Palestras AMRIGS falará sobre doação de sangue, porém de uma maneira diferente. A intenção é detalhar os caminhos que o sangue percorre desde o processo de doação até a ponta final, no paciente. A atividade ocorre de forma online, a partir das 19h do dia 24 de agosto. A iniciativa é da Associação Médica do Rio Grande do Sul em parceria com o Departamento de Hematologia e Hemoterapia (DHHTC).

Segundo dados do Ministério da Saúde, apesar de não ter havido desabastecimento durante a pandemia, houve uma redução em 2020 de 20% no volume de doações. A reposição frequente dos estoques de sangue é necessária para tratar anemias crônicas, cirurgias de urgência, acidentes que causam hemorragias, complicações da dengue, febre amarela, tratamento de câncer e outras doenças graves.

As apresentações abordarão o perfil do doador, os processos de qualificação do sangue, quem paga por ele e sua gestão no sistema de saúde brasileiro. A palestra é voltada para acadêmicos e profissionais das mais diversas áreas da saúde, políticas públicas, assim como membros da comunidade que queiram entender melhor os processos que compõem a doação de sangue.

A mediação do evento será feita pela médica hematologista e hemoterapeuta, membro da Associação Brasileira de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular e Diretora Médica da Região Sul da HHEMO, Mariângela Moschen. As palestras contam com participação da graduada em Enfermagem, Claudineia de Souza Campos e da bacharel em Serviço Social, Franciele Roso.

As inscrições podem ser feitas aqui

Mais sobre as palestrantes:

Claudineia de Souza Campos
Graduada em Enfermagem pela Faculdade Fátima de Caxias do Sul. Possui mais de 20 anos de experiência em Hemoterapia. Na Unidade H.Hemo, atua como Gerente Operacional da Regional Sul, compondo o Time de Integração H.Hemo. É responsável pelo Gerenciamento do Sistema de Gestão da Qualidade – ONA, na Unidade H.Hemo de Caxias do Sul.

Franciele Roso
Bacharel em Serviço Social com especialização em Direitos Humanos. Possui 10 anos de experiência em Políticas Públicas. É gerente de captação de doadores no Banco de Sangue de Caxias do Sul. Coordenação do time de captação, planejamento, articulação e desenvolvimento de campanhas de doação de sangue, prospecção de empresas parceiras, apresentação de palestras de sensibilização, planejamento de estratégias visando a ampliação no número de doadores voluntários.

Fonte: Marcelo Matusiak
Foto: NCM AMRIGS 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confira outras notícias

plugins premium WordPress